carregando...

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

12 de janeiro de 2022

ASCOM GABINETE SEMPLAN

Construção da rede de esgoto será retomada nos próximos dias

Obra tem investimento de aproximadamente R$ 200 milhões

Nos próximos dias, o Governo de Rondônia vai retomar as obras para implantação da rede de esgotamento de Ji-Paraná. O Prefeito de Ji-Paraná, Isaú Fonseca (MDB), com o apoio da equipe do Governo do Estado e do Governo Federal, garantiu que o recurso do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), de aproximadamente R$ 200 milhões, não será perdido e que os moradores do município contarão com a nova rede de esgoto.

Em novembro de 2021, Isaú Fonseca esteve em Brasília (DF), onde se reuniu com representantes do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) e do Governo do Estado de Rondônia, para tratar sobre o esgotamento sanitário e cobrou agilidade para a retomada das obras.

Em novembro, Isaú Fonseca se reuniu com representantes do MDR e do Governo de Rondônia

“Quando estivemos em Brasília fomos prontamente atendidos e fico feliz que esse grandioso investimento não será perdido, pois em breve a obra do esgotamento será retomada, o que trará benefícios aos moradores de Ji-Paraná”, afirmou o prefeito.

A construção da rede de esgoto foi iniciada em fevereiro de 2020 e paralisada em dezembro do mesmo ano. Isaú também agradeceu o empenho do govenador de Rondônia, Marcos Rocha (PSL), em trabalhar para que a obra do esgotamento sanitário de Ji-Paraná fosse retomada.

“Quero agradecer ao Governo de Rondônia, em especial ao governador Marcos Rocha, que não mediu esforços para que Ji-Paraná contasse com essa grandiosa obra. Foi um trabalho que contou com a colaboração de todos e o apoio do Governo do Estado e também do Governo Federal”, comemorou Isaú Fonseca.

O titular da Secretaria Municipal de Planejamento (Semplan), Rui Vieira de Souza, explicou que o Projeto Poeira Zero, que visa pavimentar todas as ruas e avenidas de Ji-Paraná, depende diretamente do andamento das obras da rede de esgoto.

“São dois projetos que devem caminhar juntos. Precisamos que a rede de esgoto seja finalizada para iniciar a pavimentação dessas ruas e avenidas. Assim, vamos evitar que esse asfalto precise ser cortado, gerando mais gastos e danos à estrutura inicial e transtornos à população”, garantiu Rui Vieira de Souza.

Projeto Poeira Zero depende diretamente do andamento da obra de implantação da rede de esgoto

O projeto prevê mais de 400 quilômetros de extensão da rede de esgotos em Ji-Paraná, construção de estações de tratamento de efluentes (ETE), estações de bombeamento e oito lagoas para contenção de dejetos.

Matéria: Marco Bernardi
Fotos: Arquivo Ascom e Secom/Governo do Estado