carregando...

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

2 de junho de 2021

ASCOM SEMUSA

Semusa esclarece informações sobre números da vacinação em Ji-Paraná

A Prefeitura de Ji-Paraná, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), esclarece os fatos sobre os números da vacinação contra o novo coronavírus (Covid-19) no município. Desde o início da campanha, Ji-Paraná já recebeu 37 mil doses de vacinas e aplicou mais de 29 mil doses.

Nos últimos dias, uma imagem circulou pela internet afirmando que Ji-Paraná era o segundo pior município de Rondônia em relação ao percentual de doses aplicadas, com apenas 17,57%. A imagem trazia como fonte a plataforma Localiza SUS, do Ministério da Saúde.

Os números referentes a Ji-Paraná, no portal do Governo Federal, estão desatualizados e não condizem com a realidade do município. Atualmente, Ji-Paraná já aplicou mais de 29 mil vacinas, entre primeira e segunda dose. Esse número representa cerca de 78% das 37 mil doses destinadas ao município.

Para esclarecer melhor a diferença entre os números apresentados pelo Ministério da Saúde e as informações reais da vacinação em Ji-Paraná, a diretora do Departamento de Vigilância em Saúde da Semusa, Alinny Rezende Santos Ferreira, concedeu uma coletiva de imprensa na tarde desta terça-feira, 1º de junho.

“O que aconteceu é a falta de atualização dos dados de Ji-Paraná no site do Ministério da Saúde. A mesma equipe que realiza a vacinação também é responsável por atualizar esses números. E, como vacinamos de segunda a sexta, a equipe fica sobrecarregada”, explicou Alinny Rezende.

Apesar da sobrecarga da equipe, os números apresentados no Painel Covid-19, do portal da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), estão mais próximos à realidade do município, com Ji-Paraná tendo aplicado mais de 26 mil doses das vacinas contra o coronavírus.

“Os números do portal da Sesau ainda estão abaixo da realidade de Ji-Paraná, porém estão muito mais próximos do que os dados da plataforma Localiza SUS. Apenas no último drive-thru, nós vacinamos mais de 2,7 mil pessoas e, nesta quarta-feira [2], pretendemos aplicar mais de 3 mil doses”, afirmou a diretora da Divisão de Imunização da Semusa, Simone da Silva Fernandes.