carregando...

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

24 de maio de 2022

CCS - COORDENADORIA DE COMIUNICAÇÃO SOCIAL GABINETE SEMED

Pedagoga se emociona ao falar de desafios da profissão que escolheu ainda criança

Simone leciona há 19 anos e disse que encontrou a razão de viver em sala de aula

“Até quando me lembro, não comecei a ser professora depois do magistério ou da pedagogia (…) sempre fui professora. Desde criança já dava aula em minha sala de aula imaginária e meus alunos eram meus gatos e minhas bonecas”. Foi com lágrimas nos olhos que a professora/pedagoga, Simone Silveira Brasil Rossi, 51 anos, 19 anos atuando em sala de aula, falou das alegrias e desafios da profissão neste dia 20 de maio, Dia do Pedagogo.

Simone Brasil Rossi hoje leciona para a turma “A” do Pré I, crianças com 4 anos de idade, do Centro Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental Professora Miriam Trajano Lopes, localizada no bairro Dom Bosco (1º distrito) de Ji-Paraná. Ela já passou por escolas em São Paulo e durante 10 anos lecionou na escola da área rural Ulisses Matosinho P. Pontes, localizada na 3º Linha da Gleba “G”.

A pedagoga explicou que já atuou com crianças do ensino fundamental, mas foi na Educação Infantil que ela “se encontrou”. “Era um sonho de criança ser professora. Eu lembro até hoje de uma professora perguntando para mim: o que você quer ser quando crescer? E eu respondi: quero ser professora. E assim, se eu tivesse que começar tudo de novo, qual seria minha profissão? Professora”.

A professora disse que sim, lembrou que “tem dia assim que não é legal, mas não importa o dia, o que importa é que eu amo estar com as crianças e pra mim é um sonho realizado”.

Sobre os novos desafios tecnológicos que chegam às salas de aula, como as lousas digitais, os Laboratórios Didáticos Móveis (LDM), as mesas interativas e os notebooks adquiridos pela atual administração para a Rede Municipal de Ensino, Simone Rossi explicou que “é preciso encarar essas novas tecnologias como novas oportunidades de aprendizagem para os alunos. A criança de hoje tem mais opções, mais oportunidades. É preciso acreditar sempre em uma criança protagonista, uma criança que é capaz em todos os sentidos”.

O secretário municipal de Educação e de Esportes, Jeferson Barbosa, parabenizou a professora pela dedicação e por meio dela a todas as “pedagogas e pedagogos” da Secretaria Municipal de Educação (Semed).

“Só temos a agradecer a esses profissionais, a esses guerreiros que acabam de atravessar um momento crítico da história, com a pandemia da Covid-19, pela dedicação com que desempenharam e continuam desempenhando essa nobre profissão. Penso firmemente que a Educação, em todas as suas dimensões, é o único caminho para a realização plena do ser humano”, garantiu Jeferson.